Místicas e solares com Triya

A Triya conquistou espaço no mercado com seu estilo leve e colorido. A marca é muito reconhecida por suas criações de beachwear e apresenta também uma linha completa de vestuário feminino. Com o tempo a Triya se tornou uma referência de moda praia “de luxe”.

“Toda mulher está grávida de um sol”, diz um texto da filósofa francesa Paule Salomon, que veio encartado no release. Com um desfile forte, inspirado no deserto, no céu, na força feminina e em alguns de seus signos, como a lua e a serpente.

Com maiôs cavados na cintura e biquínis estampados com cores vivas e algumas terrosas, as modelos desfilaram com tons de pele bronzeados e tranças despenteadas. Com super cavas asa delta e muito bumbum á mostra foi um diferencial, e fazia tempo que não víamos esse tipo de ousadia.

Com muita sedução e feminismo, uma diversidade de tecidos que vão muito além da lycra (também presente), como seda, veludo e cobre. Isabela Frugiuele utilizou dos tons do deserto na coleção e vale destacar a linda estampa do céu à noite do deserto, cheio de estrelas, vista no duo usado por Indyra Carvalho, e um look com a mesma ideia com estrelas usando a transparência, com a Ari westphal que vem sendo um dos destaques nas passarelas nesta edição. Materias organicos como argolas de madeiras também ganharam espaço na coleção e nos brincos extravagantes.

Antes de iniciar o desfile oficial, foram apresentados 5 looks em parceria com a Olympikus. E no fim, a força dá lugar a doçura com uma versão linda,de “Here Comes the Sun”, na voz de Nina Simone. Deixe o sol entrar.

Search By Tags