Marca Modem faz sua estreia no SPFW45

Criada em 2015 pela dupla André Boffano e Sam Santos, a marca Modem surgiu do desejo de vestir mulheres de diferentes idades e lugares, com um gosto comum por detalhes e pela simplicidade.

Pensando na mulher contemporânea, a marca quer unir o design prático e atemporal, utilizando sempre um "savoir-faire" diferenciado em todo o processo; atendendo assim as demandas e os anseios presentes em nosso cotidiano.

O universo da marca gira em torno da evolução de um mundo cada vez mais digital e funcional. Por isso, a Modem tem uma conexão forte entre a arte e o design. O desenvolvimento criativo une formas e detalhes inspirados na arquitetura e nas artes plasticas, retratados em volumes, matérias-primas e estampas criadas a partir de técnicas manuais o e/ou com intervenções digitais.

Suas peças de pegada industrial estão em cerca de 30 multimarcas espalhadas pelo Brasil, já ganharam as passarelas do Minas Trend e foram finalistas do ELLE Fashion Now.

Com três anos de marca, completados neste mês, a paulistana Modem, de André Boffano e Sam Santos (que também são coordenadores de criação da Bobstore). Os estilistas prometem mostrar peças fortes inspiradas no Memphis, grupo fundado nos anos 1980 na Itália que deu o que falar no mundo do design. É uma coleção colorida, com bordados e aplicações de resina e metal, material essencial no universo da etiqueta.

De fato, todas as roupas que os dois mineiros de 26 anos apresentam estão sempre prontas para ganhar as ruas. Apesar de bastante comerciais, elas não abrem mão de passar informação de moda, um mix raro de se encontrar no Brasil e que tem dado muito certo.

Para resolver equação e criar uma identidade, eles apostam em elementos específicos, como os detalhes de ilhoses, nas modelagens clássicas e na escolha de materiais certeiros.

Criada no projeto Novos Talentos, do Veste Rio, a marca estreiou hoje, na São Paulo Fashion Week. Dividindo o calendário com grandes jogadores da indústria da moda em um senário totalmente diferenciado.

O desfile de hoje foi inspirado pelo grupo italiano de design e arquitetura Memphis Group e pelo artista austríaco Ettore Sottsass. As modelagens assimétricas, já características da marca, devem se misturar a elementos em 3D. Os acessórios do desfile serão feitos em parceria com a Gla.

A marca estreia na line-up oficial da SPFW com a coleção de Verão 2019 construída com relação da arte propondo elementos contemporâneos e estética Organic Clean com uma alfaiataria limpa.

A cenografia do desfile foi feita por Ana Arietti com objetivo de representar cores e formas, o cenário conta também com esculturas de grande porte da Gabriela Garcia espalhadas entre os espectadores com desconstruções de obras para remeter novos padrões estéticos, inusitados e divertidos.

A linha de assessórios, tomam um grande destaque nesse desfile, incorporando um novo modelo de bolsa; a Modem M2, feita pensado no dia-a-dia da mulher. Será também palco para a coleção-cápsula Modern Memories.

Matéria: Brenda Coutinho

Fotos:FFW

Search By Tags